Will Barcellos leva seu "Transe Sagrado" ao Ladeira das Artes

"Transe Sagrado" apresenta pela primeira vez para o Rio de Janeiro o trabalho do carioca Will Barcellos. A exposição reúne uma seleção de obras desenvolvidas nos últimos seis anos, em técnicas variadas, após um hiato de quase duas décadas na produção do artista. Com curadoria de Carla de Oliveira e Deborah Anjos, o vernissage acontece na próxima quinta-feira, dia 05, às 19h, no Galpão Ladeira das Artes, no Cosme Velho.

É no fazer artístico que Will encontra uma válvula de escape da sua rotina ordinária, com transporte público e longas horas no emprego formal. O ato de produzir o leva a um outro estado de consciência - é imerso em suas obras que ele elabora as questões que ecoam dentro de si. Essa exposição é um convite ao mergulho no universo de criação de Will Barcellos, um espaço místico e íntimo que agora pode ser compartilhado com o público.

"Minha exposição ganhou o nome de Transe Sagrado por causa de um artigo publicado sobre o meu trabalho. Quando a Josie Conti falava sobre as minhas técnicas, usou essa expressão para falar do estado em que eu entro quando produzo. A Deborah Anjos, uma das curadoras, sugeriu que esse fosse o nome da exposição, já que ela sintetiza muito bem o que quero transmitir.


Quero que as pessoas percebam a energia em cada obra, pois tudo o que acontece no mundo afeta diretamente minha arte, o que acaba resultando em um acervo tão plural: fases leves e expressivas e outras pesadas e complexas.

As oportunidades que eu tive transformaram minha vida. Ter contato com a arte me ofereceu outro ângulo para encarar o mundo e aumentou meus horizontes de uma maneira muito significativa.


Um país que não valoriza educação e cultura acaba estreitando muito as possibilidades das pessoas. Quantos artistas não abandonam seus talentos? E quantos outros não precisam se desdobrar em mil virando a noite para produzir nas brechas de tempo que o cotidiano oferece? E quantos artistas o público deixa de conhecer por isso?


Mas é preciso resistir, seguir produzindo e ocupar o mundo com a beleza de nossas artes."


Will Barcellos

A exposição poderá ser visitada até dia 22 de setembro. O Galpão Ladeira das Artes fica na Rua Conselheiro Lampreia 225.