O jornalista francês Jean-Baptiste Malet leva debate à AF Botafogo

A Aliança Francesas do Brasil, com apoio do Prix Albert Londres, traz para o Rio de Janeiro o jornalista francês Jean-Baptiste Malet, autor do livro e documentário "O império do ouro vermelho" (Fayard, 2017), traduzido em diversos idiomas e vencedor do Prêmio do Livro Albert-Londres em 2018. A obra aborda um alimento básico: a produção em massa de tomates industrializados, geneticamente modificados.

Malet fará uma conferência no auditório da AF Botafogo, na próxima terça-feira, dia 10, às 19h, em que responderá questões sobre sua recente investigação na rota da produção de tomates, cultivados e colhidos no âmbito do capitalismo globalizado. O tema meio-ambiente é uma das grandes temáticas trabalhadas pela Aliança Francesa do Rio de Janeiro em sua programação cultural. Este será mais um encontro do ciclo Autres Regards.

A pesquisa de Malet também deu origem ao documentário de mesmo nome, "Império do ouro vermelho", que será exibido no início do debate.

O que você come quando abre uma lata de concentrado, coloca ketchup no

prato ou corta uma pizza? Tomates industriais. Processados em fábricas,

embalados em barris de concentrado, estes circulam de um continente para

outro. Toda a humanidade os consome, mas ninguém os vê. Onde, como e

por quem esses tomates são cultivados e colhidos?

Buscando as respostas para essas perguntas, Jean-Baptiste Malet viajou dos

confins da China à Itália, da Califórnia à Gana, em uma investigação que durou dois anos. Conheceu comerciantes, colhedores, empreiteiros, camponeses, geneticistas, fabricantes de máquinas, um "general" chinês e até mesmo integrantes da máfia para comprovar que o tomate, mais que apenas uma matéria-prima, é uma síntese da economia mundial.


A Aliança Francesa Botafogo fica na Rua Muniz Barreto 730. A entrada é franca e as senhas serão distribuídas uma hora antes no local.