Nove artistas levam suas "Cidades Imaginárias" à Bienal de Curitiba

"Cidades Imaginárias" tem vernissage nesta quarta-feira 17, às 19h, na Zuleika Bisacchi Galeria de Arte. A exposição reúne obras dos artistas Diogo Duda, Edson Landim, Heberth Sobral, Jabim Nunes, Luiz Bhering, Mario de Alencar, Osvaldo Carvalho, Paulino Lazur e Regina Hornung, e tem curadoria de Ana Rocha. Compõem a exposição instalações, fotografias, pinturas e colagens.

"Is It Funny?" nº8, obra da série Dinamarquesa, de Osvaldo Carvalho.

O evento integra o Circuito de Galerias promovido pela Bienal Internacional de Curitiba, que chega a sua 25ª edição. O projeto promove o diálogo entre o conceito curatorial da Bienal e galerias da cidade.


"Cidades Imaginárias" remete à edição organizada pela galeria que celebrou os 20 anos da Bienal. "Quando, sob a curadoria de Teixeira Coelho, o foco era a cidade como espaço, e ampliou o diálogo com o público e a cidade de Curitiba. Nesse ano, grandes edifícios, trânsito de carros, pedestres, poluição sonora e visual são representados. A paisagem urbana é um reflexo do nosso comportamento diante do mundo contemporâneo, do crescente número de pessoas vivendo em cidades e da velocidade que a informação trafega hoje. A partir de um pensamento sobre a cidade, e o espaço urbano, a exposição trata dessa paisagem e das relações que tecemos tendo como pano de fundo a cidade”, explica a curadora Ana Rocha.

"Is It Funny?" nº9, acrílica sobre tela de Osvaldo Carvalho.

A exposição também faz parte do roteiro Gallery Night, uma novidade da Bienal, que acontece na véspera da abertura. Um grupo de inscritos percorrerá diversas galerias que atenderão em horário diferenciado para apreciar em primeira mão as exposições preparadas para o evento.


A Zuleika Bisacchi Galeria de Arte fica na Av. do Batel 1550, L3. "Cidades Imaginárias" poderá ser visitada até 24 de novembro, sempre de segunda à sexta-feira, das 10h às 19h, e sábado das 11h às 15h.


Fotos: divulgação