"Não me lembro bem,", de Ivan Grilo, tem lançamento no Rio e SP

Com 150 exemplares numerados e assinados, o livro-obra "Não me lembro bem," (Familia Editions), do artista plástico Ivan Grilo, será lançado nesta sexta-feira, dia 5, na SP-Arte, em São Paulo, e no próximo dia 10, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage (EAV Parque Lage), no Rio de Janeiro. Com design de Maria do Lago, a edição pretende traduzir visualmente a poética da criação de Ivan Grilo.

O livro é uma peça inédita e singular, criada por meio de um formato editorial em que a comunhão de materiais, as técnicas e a narrativa visual foram desenvolvidas em colaboração entre o artista e a editora. O diálogo surgiu da intenção de interpretar em papel as cartas representadas nas placas de bronze de Ivan Grilo, combinadas com a imagética da simbologia da história do Brasil "esquecida", "escondida".

A sequência de páginas, alternando textos desenvolvidos pelo artista e imagens de seu acervo pessoal, flui em harmonia por meio do contraste dos diferentes materiais escolhidos. O texto é impresso em baixo relevo em papel de algodão artesanal de alta gramatura e as fotos, em papel transparente, produzido com fibra de bananeira, encadernadas em dobra francesa, criam o efeito de imagens "escondidas".

Com apoio da Luciana Caravello Arte Contemporânea, galeria que há sete anos representa o artista, os livros são produzidos artesanalmente no Brasil, impressos manualmente em letterpress, sobre dois tipos de papéis artesanais, fabricados por encomenda e são encadernados à mão, com capa mole em tecido e costura japonesa.


Ivan Grilo (Itatiba, 1986. Vive e trabalha em Itatiba, São Paulo) é graduado em artes visuais pela PUC-Campinas (2007). Tem como núcleo central de pesquisa a relevância de arquivos históricos e orais, juntamente com as diferentes possibilidades de leitura sobre um mesmo fato. Tomando como ponto de partida a fotografia principalmente como forma de documentação e registro de tempo, o artista busca dissecar os papéis representativos, políticos, narrativos, conceituais e estéticos da imagem, às vezes questionando ou mesmo reescrevendo de outro ângulo o material original, sutilmente embaçando a memória e a ação do tempo.


Lançamento do livro "Não me lembro bem,", de Ivan Grilo

São Paulo

Dia 05, às 16h

SP-Arte, Sessão editorial

Pavilhão da Bienal, São Paulo


Rio de Janeiro

Dia 10, às 19h

Salão Nobre, EAV Parque Lage

Rua Jardim Botânico 414, Rio de Janeiro


Fotos: divulgação