Icléa Eccard leva sua reinvenção do metal para o Sesc de Niterói

"Icléa Eccard - Esculturas" é um delicioso e imperdível tratado sobre esse 'novo domínio do metal' reinaugurado pela artista. Com curadoria de Vitor Ramalho e apoio da Eixo Arte Contemporânea, a exposição individual uma feliz oportunidade para o público visitar uma criteriosa e belíssima seleção de sua produção com objetos e esculturas de chapas de ferro, em pequenos e grandes formatos. O vernissage acontece neste sábado, dia 03, às 16h, no Sesc Niterói.

Com a exposição, o observador poderá deslocar seu olhar que vem da rigidez da matéria do aço para uma vivência de se fazer e sentir. "O metal é rígido, pesado, sonoro, suave, transparente... Envolver-se com ele a cada instante, buscar soluções que revelem suas possibilidades, ver a linha frágil rasgando a chapa, deixando a luz atravessar gratuitamente, são momentos plenos de vibração e integração entre a matéria e o ser", explica Icléa Eccard.


"A teia de expansão proposta por Icléa Eccard ultrapassa o que conhecemos como lugar fixo da escultura, mantendo fresco seu caráter criativo e experimental", elogia o artista e curador Vilmar Madruga.

"Icléa Eccard explora as possibilidades de expansão e manipulação da matéria industrializada, assim como sua mimetização em formas orgânicas. Desse modo, embora essas matérias deem corpo físico às obras, evocar a organicidade da natureza é o mote central da proposta", acrescenta a curadora e crítica de arte Daniela Labra.

Mais sobre Icléa Eccard


Natural do Estado do Rio de Janeiro, vive e trabalha em Niterói (RJ).

Formação acadêmica - Projetos Gráficos: Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Principais exposições coletivas e individuais no Brasil e exterior: Exposição Cem ao Cubo – Minas Gerais (2019), EIXO Arte, Exposição Virtual (2018) Calouste Gulbenkian, Rio de Janeiro (2017), Fábrica Braço de Prata, Lisboa, Portugal (2017), Galeria Solar, Rio de Janeiro (2016), Affordable Art Fair Brussels, Bélgica (2016), Galerie La Vitrine A.M., Paris, França (2015), Lower East Side Gallery, Manhattan, NYC (2015).

E ainda Centro Cultural Pascoal Carlos Magno, Niterói, RJ (2011), IBRIT - Instituto Brasil Itália, Milão, IT (2003), Museu de Arte Contemporânea de Niterói (2002). Projeto Brasil-Alemanha, juntamente com Mike Becher, com mostra na Academia Visual de Artes em Liepzig, Alemanha (2002). Participou de eventos como: Eixo Arte, Florense, Casa Cor, Morar Mais Por Menos, Casa Design, Master Casa e outros.

A exposição poderá ser visitada até dia 28 de setembro. O Sesc Niterói fica na Rua Padre Anchieta 56, em São Domingos.