Expo "Espaço imaginário, território livre" reafirma a pluralidade da arte

Atualizado: 16 de Dez de 2019

Com um projeto diversificado de celebração das artes visuais e de todas as suas manifestações, o Espaço Imaginário volta a acolher artistas iniciantes e/ou de longa trajetória em uma grande coletiva, consolidando sua imagem como um espaço independente (itinerante) de magia, inovação, e confraternização. O vernissage acontece nesta segunda-feira, dia 16, às 18h, no Lapa Café.

"It Hurts", de Osvaldo Carvalho


O projeto foi idealizado pelo artista visual Raimundo Rodriguez no sentido de reativar um espaço que agregasse artes visuais, experiências sonoras e, agora, gastronomia. Diante de um circuito de arte convencional, o Espaço Imaginário propõe uma desmistificação desse "lugar", oferecendo um espaço de interação onde é possível compartilhar uma experiência estética além das paredes de museus e galerias.

Vídeo performance sonora de Luiz Badia

Assim, o Espaço Imaginário se mantem fiel às suas convicções: inserindo novos artistas e celebrando artistas experientes, oferecendo ao público carioca a oportunidade de conhecer manifestações culturais em um coletivo que sempre muda, pós-moderno, sem direções preestabelecidas, itinerante.

"Dama", obra de André Bauduin

"Loading Painting", de Osvaldo Carvalho


A inauguração da coletiva acontece quando o Espaço Imaginário será reativado no Lapa Café, conferindo ao público frequentador a convivência com obras de arte envolvendo pinturas, gravuras, desenhos, objetos, fotografias e projeções. Na abertura, ainda acontecerão performances e muito mais.

O Café Lapa fica na Av. Gomes Freire 453 / 457, na Lapa.