Espaço VIP do Rio Open terá criações do Arquivo Contemporâneo

Batizada de Corcovado Club, a área vip do Rio Open se renova a cada edição. Este ano, as arquitetas Ana Luiza Jardim e Tina Pessoa de Queiroz, responsáveis pela ambientação do local, fecharam uma parceria com o empresário João Caetano, do Arquivo Contemporâneo, para mobiliar o lounge de entrada, de 225 m², com peças de design 100% brasileiras, exclusivas da loja no Rio.

Mesa lateral "Amilcar", assinada por Oswaldo Mellone.

"Os visitantes poderão interagir com peças ícones do design nacional, com destaque para a poltrona Mole, os banquinhos Sonia e Mocho, o banco Mucki e a banqueta Nine - todos assinados por Sergio Rodrigues, a mesa de centro Twist e a poltrona Mad criadas por Jader Almeida, a mesa lateral Bailarina de Leo Romano, o sofá Neo Ba da dupla Danilo Lopes e Paula Gontijo, e a mesa de apoio Amilcar, do Oswaldo Mellone", adianta Ana Luiza Jardim.

Mesa lateral "Bailarina", de Leo Romano.

O Rio Open apresentado pela Claro acontece de 16 e 24 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro. A expectativa é de que 50 mil pessoas acompanhem os jogos e a programação ao longo do evento.

A icônica "Poltrona Mole" de Sergio Rodrigues.

O Rio Open 2019 terá patrocínio master da Claro, patrocínio do Santander, Peugeot, Mubadala, Fedex, Emirates. Também com as empresas Rolex, Tokio Marine Seguradora, Shell e ainda com RedeDor, Petra, Booking, Localiza, Dasa, Café Melitta, Estácio, SegurPro Prosegur, Shopping Leblon, Focus e Sextante.

"Poltrona Mad", do designer Jader Almeida.

A Fila será a responsável pelo material esportivo e a Head, fornecedora da bola oficial do evento. A vinícola Lídio Carraro oferecerá o espumante e vinho oficiais do Rio Open. Outras parceiras são a Antonio Bernardo, Raul Mourão, Jockey Club Brasileiro, Prefeitura do Rio e Riotur.

O banco "Nine", também assinado por Sérgio Rodrigues.

O Sportv é a emissora oficial do Rio Open e transmite em HD todos jogos da quadra central para o Brasil e mais de 130 países por meio da ATP Media.

Banco "Mucki", criação de Sergio Rodrigues.

O evento é incentivado pela Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e também pela Lei Estadual de ICMS do Governo do Rio de Janeiro por meio da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude.

O banco "Mocho", de Sergio Rodrigues.

O Jockey Club Brasileiro fica na Rua Mario Ribeiro 410, no Leblon.


Fotos: divulgação