Coletiva "Queereres" intensifica o debate sobre as questões de gênero

Com curadoria de Paulo Jorge Gonçalves e Elmo Martins, a galeria Modernistas inaugura neste sábado, dia 1º, às 18h, a exposição "Queereres", coletiva que reúne obras de Ana Tavares, Cris Cabus, Eleonora Dobin, Elmo Martins, Fábio Carvalho, Luiz Rocha, Osvaldo Carvalho, Paulo Jorge Gonçalves, Thelma Innecco, Valéria Oliveira, Victor Arruda, Vitor Canhamaque e Will Barcellos.

Paulo Jorge Gonçalves

Osvaldo Carvalho

Eleonora Dobin

"E eu querendo querer-te sem ter fim

E, querendo-te, aprender o total."

Respeito e dignidade.

A visão contemporânea de 13 artistas, poetizando o fato de não serem excludentes e abraçarem a diversidade: a identidade e expressão de gênero e o atual e polêmico tema, assim como a orientação sexual.


"Do querer que há e do que não há em mim."

Fábio Carvalho

Paulo Jorge Gonçalves

Em um período em que conceitos e conquistas duramente alcançados parecem estar retrocedendo, estes artistas enfatizam a urgência de visões plurais como manifestações de luta. A exposição aborda as pautas LGBTQIA+, assim como a identidade de gênero, a expressão de gênero, orientação sexual e sexualidade.

Vitor Canhamaque

Luiz Rocha

Elmo Martins

"Queereres" poderá ser visitada até 1º de março. A galeria Modernistas fica na Rua Paschoal Carlos Magno 39, em Santa Teresa.