Changing and Unchanging Things: expo de Noguchi e Hasegawa em NY

"Changing and Unchanging Things: Noguchi e Hasegawa no Japão do pós-guerra", recém-inaugurada no The Noguchi Museum, em Nova York, pode ser visitada até 24 de julho. O projeto é uma importante exposição itinerante focada na amizade consequente entre Isamu Noguchi (1904-1988) e Saburo Hasegawa (1906-1957).

Hasegawa foi um dos mais renomados artistas japoneses contemporâneos nos Estados Unidos, e considerado como o introdutor da abstração européia no Japão, como crítico, teórico e historiador da arte.

O relacionamento dos dois começou durante a visita de Noguchi ao Japão em 1950, pois ambos os artistas procuravam entender o fragmentado mundo pós-guerra e o potencial da arte em remontá-lo. Juntos, eles realizaram um amplo estudo do design tradicional japonês, cultura e estética; visitando locais históricos e debatendo a modernização, com o objetivo de fazer arte moderna no Japão por meio do "verdadeiro desenvolvimento" de suas tradições.

Composta por mais de 80 obras contemporâneas de Noguchi e Hasegawa, a exposição traça influências de seu diálogo.


Organizada pela The Isamu Noguchi Foundation e pelo Garden Museum de Nova York, "Changing and Unchanging Things: Noguchi e Hasegawa no Japão do pós-guerra" tem curadoria de Dakin Hart, curadora sênior do Museu Noguchi, e Mark Dean Johnson, professor e diretor da galeria da San Francisco State University.


Anteriormente no Yokohama Museum of Art, a exposição seguirá também para o Asian Art Museum de San Francisco, de 27 de setembro a 8 de dezembro de 2019.


O endereço do Noguchi Museum é 9-01 33rd Road, Long Island City, NY 11106.


Fotos: divulgação